terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

XIV Inter - Escolas Diocesano










No dia 17 de Fevereiro, em representação da Escola Básica Dr. Abranches Ferrão, 23 alunos participaram no XIV Inter-escolas Diocesano que mobilizou cerca de 600 alunos e professores de Educação Moral e Religiosa Católica.
Sob o lema: Fazei das Vossas Vidas Lugares de Beleza, o dia começou com a concentração dos alunos na Sé Catedral, símbolo da igreja-mãe da Diocese da Guarda, na qual se pode ouvir a mensagem do Sr. Bispo, D. Manuel Felício, que convidou todos os presentes a escolherem bem, pois a vida é escolher e a disciplina de EMRC é uma boa oportunidade que é oferecida para isso mesmo. Reforçou que era importante viver a alegria que é comunicada na disciplina, bem como aplicar na dia-a-dia os valores que ela transmite e ensina.
Da parte da tarde, apesar do tempo estar instável, os alunos juntamente com os seus professores souberam dar alegria, beleza e partilharam cada momento que foi proporcionado.
"Pelos seus frutos, os reconhecerão", eis um grande desafio que marca a vida dos alunos inscritos em Educação Moral Religiosa Católica.












Festival Diocesano de Mensagem/ Concurso de Fotografia

O Dia Diocesano da Juventude, que este ano ocorre na cidade de Seia no dia 16 de Abril, será palco também do VII festival Diocesano Jovem da canção de Mensagem. Para participar no festival, os jovens interessados devem elaborar a música partindo de uma passagem/citação do “Evangelho de S. Mateus”. As inscrições estão abertas até dia 25 de Março.

No âmbito do Dia Diocesano da Juventude, a Galeria Paz de Espírito e o DPJG propõem-te participares num concurso de fotografias alusivo ao tema “enraizados e edificados em Cristo”. Podem participar os jovens com idades compreendidas entre os 14 e os 30 anos à data da entrega dos trabalhos, isto é, dia 1 de Abril. As fotografias (digitais, em formato JPG, com uma resolução mínima de 300 dpi ; A cor ou a preto e branco) devem ser enviadas para os seguintes endereços de e-mail: geral@pazdeespirito.com e dpjguarda@gmail.com.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

A Religião e a Cultura - Visita de Estudo aos Templos Religiosos

No dia 3 de Fevereiro de 2011, no âmbito da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica e de Língua Portuguesa, os alunos do 9ºano realizaram uma visita de estudo a Lisboa com os seguintes objectivos: - Visualização do Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente, Visita ao Mosteiro dos Jeróninos e ao Centro Budista de Tradição Tibetana.


Foi de facto uma experiência inesquecível, não só pela interactividade criada durante o teatro, bem como a magnificência do grande monumento que faz parte do Património Mundial da Unesco.


A visita ao Centro Budista realçou o impacto de uma filosofia de vida, no dia-a-dia de algumas pessoas, muito semelhante ao Cristianismo, no seu princípio de fazer o bem aos outros. Aqui, foi proporcionado aos alunos uma experiência de meditação que é fundamental para o bem-estar interior e para o sucesso nas acções diárias.
Valeu a pena a experiência!



( Alunos de 9ºano)





video

Dia da Não-Violência Escolar e da Paz



Olá!
Eis um desafio que é lançado para as escolas do Agrupamento e que se prende com a construção da Corrente da Paz com a colaboração dos alunos matriculados na disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica das três escolas e seus professores.
D. Carlos Ximenes Belo, diz: “ A escola é um espaço privilegiado para lançar a semente e criar condições para construir um mundo mais humano, onde deve imperar a paz, o respeito e reconhecimento pelos outros.”
O mundo de hoje é assolado por violências e guerras que comprometem a realização da paz, e por mudanças sociais e culturais que põem em risco a solidez da paz já alcançada. É um valor urgente, pois sem ela não há desenvolvimento humano integral, harmónico, durável e sustentado.
A Paz é um dom de Deus oferecido à Humanidade, porque “Deus é amor” (1Jo4,16) e o amor gera paz.
A Natureza da Paz requer empenho da humanidade, a todos os níveis e de múltiplas formas, como por exemplo: a formação da consciência pessoal e social, o respeito pelo próximo, a valorização do diálogo entre culturas e as relações entre os povos e nações, imbuídas de justiça e solidariedade.
“Pelos seus actos os reconhecereis.” (Mt.7,20) Todos juntos podemos fazer a diferença!

Deixa a tua marca!
A professora de EMRC: Estela Cristina Brito